Permita-se!

30.8.16




A vida é um mistério e não dar para prevê quando e a que horas algo não irá mais dar certo em nossas vidas. Eu tenho todos os motivos do mundo para não mais acreditar no amor, para não mais me deixar envolver com outro alguém.   Digamos que as pessoas que encontrei até aqui, não foram muito generosas comigo. Porém eu preferi ficar aqui de pé, firme e forte no que eu acredito e sinto. Não lamento as passagens dessas pessoas na minha jornada, elas, de certa forma, me ensinaram que é possível cair uma, duas, três vezes e que também é possível levantar e recomeçar quantas vezes se fizer necessário.


Deus age de uma forma tão linda em nossas vidas que as pessoas erradas que surgem são as melhores para nos ensinar sobre como nos superar e a não sermos como elas são. E em determinados momentos é impossível não sentir o efeito que essas pessoas nos causaram, mas é preciso que sigamos com o pensamento e atitudes que os únicos responsáveis somos nós, tenhamos o dom de nos permitir a sermos felizes, a nos permitir que mais alguém nos faça felizes.



O mundo é cruel e as pessoas também, mas a gente tem que esperar no mínimo do outro aquilo que somos. Eu sei que posso ser amada, ter fidelidade e ser feliz em uma relação porque justamente tenho isso a oferecer. Então, seria injusto não esperar isso de outra pessoa quando na verdade eu sei que posso. Permita-se amar, cair, sofrer, mas acima de tudo permita-se ser feliz, com ou sem alguém. Em uma vida tão curta, ser idiota é não viver as dores e os prazeres que o mundo tem a proporcionar. E no fim, nenhum relacionamento é em vão, por mais que ele nos cause algum sofrimento, restará sempre o aprendizado e o fortalecimento de nós mesmos, e a certeza que merecemos o melhor de nós e dos outros.




2 comentários:

  1. Eu acho tão lindo esse amor que você tem pelo amor. Obrigada por me ensinar a cada dia como me permitir. Você é meu referência que apesar da separação da Fátima e do Bonner a gente deve continuar acreditando no amor kkkk parabéns pelo texto e por quem você está sendo até aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que comentário mais lindo, dona Bárbara! Eu espero que não eu perca nunca essa essência desse amor pelo amor.

      Excluir