Menos Joguinho e Mais Gentileza, Por Favor!

6.9.16



Onde foi parar a gentileza do mundo?

Eu cresci com mainha me dizendo que a gente deve dar bom dia, ser educada e gentil com as pessoas.

-Aprenda a se comportar como gente, menina! (dizia Mainha).

Recordo-me que na época da escola era a coisa mais natural do mundo desejar bom dia, perguntar como estão as coisas, desejar boa sorte em um dia de prova. Eram tão inocentes os abraços, os sorrisos. Onde foi parar tudo isso?

Apesar dos meus 26 anos ainda me sinto uma aventureira nesse mundo dos adultos. Ainda não me adaptei a essas regras dos joguinhos que os manuais para gente grande ensinam.

Respondam-me, por favor!
  • Qual a graça que tem em demorar a responder uma mensagem de bom dia, se você está com o celular na não?

  • Porque dizer não a um convite quando se está morrendo de vontade de ver a outra pessoa?

  • Porque não fazer um elogio num poster do instagram se gostou da foto?


Parece que nesse mundo adulto é feio demonstrar gentileza. Em uma corrida by Guerra Fria de não querer ser trolada pelo Crush as pessoas vão deixando de demonstrar o que sentem e na mesma velocidade vão deixando de receber carinhos. É cada um que quer ser mais frio que o outro.

Mas como eu nunca fui boa nem jogando Dama, eu prefiro ficar com a gentileza. Prefiro responder assim que eu vejo a mensagem. Prefiro começar uma conversar se eu estiver a fim de conversar. Prefiro mandar um durma bem. Prefiro desejar uma boa sorte, quando eu sei que a outra pessoa vai precisar. Porque nesse joguinho sem graça, todos perdem. Perdem um abraço. Perdem uma boa conversa. Perdem um bom cinema. Perdem cervejas geladas acompanhadas de uma boa companhia. Perdem um amigo. Perdem um parceiro. Perdem de viver...

O mundo precisa de menos joguinho e de mais demonstrações de gentileza, de mais: Bom dia! Estou bem! Boa sorte! Obrigada! Vamos sair? Vamos sim! Durma bem! Eu amei te ver...




Nenhum comentário:

Postar um comentário