Carta para Mamãe Noel

20.12.16



Querida Mamãe Noel,

Sei que nos últimos anos eu andei sumida. É que a vida de adulta é muito complicada, sabe?! Ensino regular para acabar, vestibular, faculdade, emprego, crush.... Desculpa a ausência dos últimos anos. Como vão as coisas ai no Polo Norte? E o bom velhinho, como está?
Nesse ano eu não vou querer um presente pra mim (O celular novo eu vou deixar para pedir próximo ano). Sei que deve tá uma correria danada para ler tantas cartinhas e que já começaram a embalar os presentes... Mas, queria te pedir primeiramente Fora Temer e segundamente para Srª falar com os Duendes e com Papai Noel para terem mais cuidado na hora de distribuir os presentes e não contribuírem com o Sexismo.


Também fale pra eles não dividirem os presentes em coisas de meninas e coisas de meninos e nem em embalagens de meninos e embalagens de meninas. Sabe aquelas panelinhas cor de rosa bebê? Então, fale para eles substituí-las por itens educativos, livros, quebra cabeça, instrumentos musicais, DVDs, roupas....Qualquer coisa, menos panelinhas, por favor!

Nos presentes para os mais grandinhos coloquem no  Cartão de Natal, além da tradicional mensagem de Boas Festas e Próspero Ano Novo, um lembrete: A CULPA NUNCA É DA VÍTIMA (Assim mesmo, em letras garrafais e em negrito para não passar despercebida, é importante). 

Eu sei que já está em cima e que a essa hora já tem muito presente embalado, mas é que todas essas coisas são importante para tentarmos tornar um mundo melhor e um pouco mais justo para nós.


Com carinho,

               
              Bárbara



P.S¹: Para a Srª ver como estão as coisas pro nosso lado, eu não achei uma foto tua para ilustrar esse post (só tem foto de Mamãe Noel de sexy shop ou bonequinha de enfeite de cozinha).

P.S²: Pros coxinhas dê um livro de História do Brasil, a coisa tá complicada por aqui.





Nenhum comentário:

Postar um comentário